Make your own free website on Tripod.com

Aqui uma breve descrição da personagem criada por Roberto Bolaños e estrelada por Maria Antonieta de las Nieves.


CHIQUINHA



"Filha do Seu Madruga"

Caracterização: Penteia-se com duas chiquinhas que nunca lhe caem direitas, e usa uma pequena franja também despenteada. É manhosa, chorona, baixinha, tem pintinhas no rosto e usa óculos.

Vestuário: Vestido curto, verde, com gola amarela e bolsos também amarelos, usa um suéter vermelho que o põe com descuido, o arruma sempre cruzando por trás. Usa vestido branco, cumprido e com babados. Usa meias brancas dobradas até a canela e sapatos pretos.

Personalidade: É uma menina travessa, mentirosa, manipuladora, astuta, brincalhona, feminista, imperativa e muito inteligente (menos para o colégio). Morre de ciúmes do pai, e não quer vê-lo com a Dona Clotilde e muito menos com o Paraíso, digo, o Céu.Quer dizer... a Glória (vizinha).Ela é a "cabeça" dos planos dos meninos. Apaixonada pelo Chaves, fica com raiva e provoca qualquer outra menina que o "paquere", principalmente a Paty.

Ganhou o apelido de Chiquinha (Chilindrina) por causas de suas sardas. Seu Madruga acha que ela parece com chiquinhas (chilindrinas), pães salpicados de açúcar (México).

Chiquinha chora fortíssimo (a gritos) e faz um curioso movimento agachando-se e flexionando as pernas ao mesmo tempo em que cruza os braços; isto se repete ritmamente e logo seu choro vai ficando mais ameno e quando de novo quer voltar a falar, nada se entende. A Chiquinha tem o carisma de um líder e um brilho de uma estrela de cinema.


Algumas de suas frases prediletas:

_Pois é, pois é, pois é, pois é!
_Diga meu papaizinho lindo do coração!
_Me diga "papí"!